Sabe o que mais dá preocupação nessa viagem? Não são as coisas que tem que comprar, nem se cabe tudo na mala, mas sim as documentações. Sério, isso tira muitas noites de sono.

Depois de passar o dilema do visto americano, agora eu estou no momento “Será que o visto canadense vai chegar a tempo?”. Como eu vou estudar apenas três meses, o pedido do meu visto é de turismo porque se fosse pra seis meses aí sim seria estudante. Eu dei entrada no pedido dia 20 de dezembro e teoricamente era para ter ficado pronto em 25 dias, no máximo 30 dias. Porém, temos que considerar as datas festivas do final do ano (isso só me atrapalha).

Resumindo, hoje é dia 17 de janeiro e nada do meu visto. Confesso que até ontem eu estava tranquila, mas hoje acordei as 7 horas da manhã com isso na cabeça e a minha preocupação só está aumentando a cada hora que passa. Dá um medo! Eu até que estou separando as coisas da viagem, estou tranquila, sem frios na barriga (por enquanto). Porém eu só estarei 100% focada na arrumação das malas quando eu tiver com o visto em mãos.

Além disso, o meu outro problema é a demora da agência em passar o contato da minha homestay, ou seja, estou sem visto e sem casa pra ficar e só pra lembrar, eu viajo daqui exatos 15 dias. A única coisa que resta novamente é rezar, rezar e rezar.

Quem foi que disse que seria fácil?
A dificuldade engrandece a conquista.
Debaixo da ponte espero a tempestade,
Mas quando ela passar eu dou a volta por cima..

(Aliados – Águas passadas)